Bannière

[ Inscrivez-vous ]

Newsletter, Alertes

Presidente senegalês insta África a investir mais em infraestruturas socioeconómicas

Imprimer PDF

DAKAR,  Senegal, 13 Setembro (Infosplusgabon) -  O Presidente senegalês, Macky Sall, insistiu terça-feira em Dakar  na necessidade, para África, de investir mais em infraestruturas socioeconómicas com vista a facilitar o deslocamento de pessoas e bens, bem como trocas comerciais no continente.

 

"É importante promovermos cada vez mais o investimento para realizarmos as nossas ambições do Programa de Desenvolvimento de Infraestruturas de África (PIDA) que é um instrumento importante de planificação e aplicação da Nova Parceria para o Desenvolvimento de África (NEPAD)", declarou Macky Sall na abertura da segunda edição da Assembleia dos Acionistas de Africa50.

 

Considerou que os Africanos devem "agir rapidamente" para atingirem os seus objetivos no domínio das infraestruturas, salientando a realização de programas prioritários no quadro do PIDA.

 

Na sua ótica, o PIDA tem projetos cuja execução necessita de cerca de 130 milhões de dólares americanos anualmente.

 

Considerou a iniciativa Africa50 como um instrumento inovador para atrair investidores privados para  infraestruturas em África e uma "alavanca essencial para suprir o nosso défice em termos de infraestruturas e acompanhar a nova dinâmica do crescimento do nosso continente".

 

O Presidente senegalês apelou aos países africanos para continuarem as reformas institucionais destinadas a melhorar o clima de negócios, garantir o desenvolvimento dos mercados de capitais e instaurar instrumentos adaptados aos financiamentos de projetos visados.

 

Afirmou que o PIDA identificou, de 2012 a 2020, cerca de 51 projetos a realizar no continente para um custo de 68 biliões de dólares americanos.

 

O Presidente Sall afirmou que o Senegal consagra perto de 64 porcento dos recursos previstos no seu programa trienal de investimento para o período 2017-2019 ao reforço das infraestruturas socioeconómicas.

 

Defendeu igualmente o reforço da parceria entre Africa50 e o setor privado africano, convidando este último a investir em África.

 

FIN/INFOSPLUSGABON/DOL/GABON 2017

 

© Copyright Infosplusgabon

Qui est en ligne!

Nous avons 1778 invités en ligne

Publicité

Liaisons Représentées:

Newsflash

More than 250 journalists, human rights defenders, students, civil society groups and public institutions are expected to attend the 7th International Festival of Freedom of Expression from 8 to 11 November in Ouagadougou.