Bannière

[ Inscrivez-vous ]

Newsletter, Alertes

Covid-19 adia conferência Internacional da juventude em Cabo Verde

PDF

Praia, Cabo Verde, 14 março (Infosplusgabon) - A Conferência Internacional da Juventude Africana, agendada para este mês, na ilha cabo-verdiana do Sal, foi adiada por recomendação do Plano de Contingência Nacional de Prevenção do novo coronavírus (Covid-19), em Cabo Verde, apurou a Infosplusgabon  sexta-feira, na cidade da Praia.

 

O Plano de contingência proíbe a realização de todos os eventos internacionais no país, até ao próximo 30 de junho.

 

Em declarações à Radio de Cabo Verde, o Presidente cabo-verdiano e copatrocinador da conferência, Jorge Carlos Fonseca, sublinhou que, apesar de tudo estar bem encaminhado para a realização do encontro, na data prevista inicialmente, a organização decidiu adiar o evento para  uma data a indicar.

 

Porém, garantiu que “tudo está balizado para a sua realização ainda neste ano”.

 

A Conferência Internacional da Juventude Africana, que tem como lema “Democracia, Migrações e Emprego – o compromisso dos jovens com uma África democrática, pacífica, próspera e inclusiva”, previa reunir cerca de 300 jovens do continente africano.

 

Durante o anúncio da realização da conferência, feita em fevereiro passado, na cidade do Mindelo, na ilha de São Vicente, Fonseca revelou que o encontro abrange “jovens cabo-verdianos residentes e da diáspora, assim como jovens provenientes de países da CEDEAO [Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental], da CPLP [Comunidade dos Países de Língua Portuguesa] e de outros países parceiros de Cabo Verde e do continente [africano]”.

 

“Este encontro terá o propósito de estabelecer uma plataforma de diálogo e de reflexão sobre diversos temas relacionados com os desafios enfrentados pela juventude cabo-verdiana e do continente africano e permitirá aos jovens participantes estabelecerem um debate profícuo de ideias sobre temas da atualidade regional e global, auscultando, ao mesmo tempo, as propostas de soluções emanadas pelos próprios jovens, tendo em conta os vários problemas que os afligem”, apontou.

 

Jorge Carlos Fonseca defendeu, na altura, uma “forte aposta na promoção e no reforço da participação juvenil com vista ao seu comprometimento cívico nas várias esferas sociais”.

 

Disse que não será possível equacionar e encontrar soluções para os complexos problemas de paz e estabilidade e do desenvolvimento em África, sem o envolvimento da juventude, a sua maior riqueza.

 

Segundo ele, estes encontros “têm o mérito de propiciar estabelecimentos de networking entre os jovens para que possam começar a agir cada vez mais de uma forma mais concertada, levando as suas preocupações às instâncias políticas do continente”.

 

Partindo desse pressuposto, Jorge Carlos Fonseca diz que esta Conferência Internacional da Juventude  cumprirá, por certo, o propósito de estabelecer uma plataforma de diálogo e de reflexão sobre diversos temas relacionados com os desafios da juventude no  continente africano.

 

 

FIN/INFOSPLUSGABON/JKH/GABON2020

 

 

© Copyright Infosplusgabon

Qui est en ligne!

Nous avons 4142 invités en ligne

Publicité

Liaisons Représentées:

Newsflash

DEPÊCHES